FANDOM


Íconedeera-LugaresÍconedeera-AC2Íconedeera-BrotherhoodÍconedeera-Mundoreal

Predefinição:HistóriaRoma é a cidade capital da Itália. No Renascimento, Roma era a capital dos Estados Pontifícios e sede da seita dos Cavaleiros Templários. A cidade também veio a se tornar base para Ordem dos Assassinos.
Rome E3

Roma vista por cima no Trailer de Assassin's Creed Brotherhood.

HistóriaEditar

A fundação de Roma resulta da mistura de três povos que foram habitar a região da Península Itálica: gregos, etruscos e italiotas. Desenvolveram na região uma economia baseada na agricultura e nas atividades pastoris. A sociedade, nesta época, era formada por nobres proprietários de terras e comerciantes, artesãos e pequenos proprietários. O sistema político era a monarquia, já que a cidade era governada por um rei de origem patrícia.

A religião neste período era politeísta, adotando deuses semelhantes aos dos gregos, porém com nomes diferentes. Nas artes destacava-se a pintura de afrescos, murais decorativos e esculturas com influências gregas. No período republicano, o senado Romano ganhou grande poder político. Os senadores, de origem nobre, cuidavam das finanças públicas, da administração e da política externa. As atividades executivas eram exercidas pelos cônsules e pelos tribunos da plebe.

Após dominar toda a península itálica, os romanos partiram para as conquistas de outros territórios. Com um exército bem preparado e muitos recursos, venceram os cartagineses, liderados pelo general Anibal, nas Guerras Púnicas (século III a.C). Esta vitória foi muito importante, pois garantiu a supremacia romana no Mar Mediterrâneo. Os romanos passaram a chamar o Mediterrâneo de Mare Nostrum. Após dominar Cartago, Roma ampliou suas conquistas, dominando a Grécia,  o Egito, a Macedônia, a Gália, a Germânia, a Trácia, a Síria e a Palestina. Em 15 de Março de 45 AC Caio Júlio César foi morto pelos Assassinos liderados por Brutus, no ano 41 AC o Assassino Leonius, matou o Templário Calígula em Roma.

RenascençaEditar

640px-Borgia Tower

Uma Torre dos Bórgia, localizadas em Roma sendo incendiada por Ezio.

Durante o período da Renascença, Roma serviu de base de operações para tanto os Templários quanto o Credo do Assassinos. Em 1492 o Grão-Mestre Templário Rodrigo Bórgia, foi nomeado o Papa Alexandre VI, se aproximando de seus planos de abrirem a Cripta. Felizmente, em 1499 Ezio Auditore, um assassino, o impediu.

Em 1500, após o cerco em Monteriggioni Ezio foi para Roma e fez do local base para os Assassinos com intuito de destruir o poder Templário no local, que oprimiam o povo. Ele por fim conseguiu derrotar Rodrigo e mais tarde seu filho César Bórgia.

ReferênciasEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.

Fandom may earn an affiliate commission on sales made from links on this page.

Stream the best stories.

Fandom may earn an affiliate commission on sales made from links on this page.

Get Disney+