Íconedeera-AC1.pngÍconedeera-AC2.pngÍconedeera-Brotherhood.png


Feather_AC2.png

Inicialmente as penas eram usadas como marcadores pela irmandade para provar que tinham assassinado com sucesso os seus alvos. No entanto, após a queda da Ordem, a pena perdeu sua importância. Depois Ezio Auditore da Firenze se encarregou de coleta-las para seu irmão mais novo, Petruccio.

No jogo pode ser referido como Penas de Águia,Penas do Petruccio ou apenas Penas.

Assassin’s Creed[editar | editar código-fonte]

No período da Idade Média, as penas foram utilizadas como forma de uma permissão para assassinar um alvo, bem como para que eles provassem que o assassinato tinha sido concluído.

Após concluir as investigações sobre o alvo, Altaïr Ibn-La'Ahad deveria retornar ate o líder Bureau onde recebia uma pena, permitindo-lhe prosseguir com o assassinato. Após matar seu alvo, ele deveria manchar a pena com o sangue do seu alvo, e então levar ela de volta e apresentá-la ao líder Bureau da região.

Assassin’s Creed II[editar | editar código-fonte]

Eles fazem o retorno na época Renascentista, porém agora sem muita importância, se mostrando apenas como um desafio extra, no qual é necessário coletar 100 penas espalhadas pelas cidades e depois guarda-las no baú na Villa Auditore podendo liberar dois bônus.

  1. Coletando 50 penas libera uma arma nova: “Condottiero War Hammer”
  2. Coletando as 100 penas uma capa nova: “Auditore Cape”

Primeiramente Ezio Auditore se encarregou de coleta-las a pedido de seu irmão mais novo Petruccio Auditore, mas após a morte de Giovanni, Federico e Petruccio, Ele passou a coleta-las em memória de seu irmão, e também como forma de alegrar sua mãe Maria Auditore que se encontrava em estado de choque após a morte deles.

Não se sabe ao certo porque Petruccio pede para Ezio juntar as penas, já que em uma coversa entre eles quando Ezio pergunta o que ele ira fazer com elas Petruccio diz que é segredo.

Embora em um trecho do livro Assassin’s Creed Renascença onde ele sugere que as penas seriam dadas de presente a sua mãe, jamais é revelado o que Petruccio realmente faria com elas.

Assassin’s Creed: Brotherhood[editar | editar código-fonte]

Alguns anos depois, mesmo após a queda de Monteriggioni, Ezio continuou a recolher as penas, em Roma. Porém agora guardando em um baú em seu esconderijo na Ilha Tiberina “Tiber Island (inglês)/Isola Tiberina (Italiano)“

Localização[editar | editar código-fonte]

Mapas com a localização de todas as penas,separadas por cidades.

ACII[editar | editar código-fonte]

Florença – 27 Penas

Post-5-1258633003.jpg


Romanha/Forlì – 12 Penas

Post-5-1258632993.jpg


Veneza – 46 Penas

Venice-feathers1-lg--screenshot.jpg


Toscana/San Gimignano – 11 Penas

Post-5-1258633016.jpg


Montergioni – 4 Penas

Post-5-1258633009.jpg

ACB[editar | editar código-fonte]

Roma - 10 Penas

Acbrother guide map feathers.jpg


Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Se colocar todas as 100 penas de uma vez no baú da Vila Auditore você ira ganhar a capa primeiro e depois a arma.
  • Após a sequência três de Brotherhood você pode comprar um mapa detalhado com a localização das 10 penas espalhadas por Roma.
  • O Baú onde Maria guardava as penas pode ser encontrado nos tempos modernos no telhado da casa da Vila.

Referências[editar | editar código-fonte]

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.