FANDOM


Íconedeera-IndivíduosÍconedeera-Origins

"Yamu agora é sede constante de cerimônias celebrando nossa vida "rústica", o que atrai muitos visitantes com mais ouro do que fé. Confesso que às vezes fico incomodado."
―Menehet falando com Bayek sobre Yamu.[src]

Menehet foi um sacerdote de Sekhmet no Templo em Yamu e um velho amigo do Medjai de Siuá, Bayek. Ele viveu durante os últimos anos da Dinastia Ptolemaica no Egito.

BiografiaEditar

Menehet tornou-se um sacerdote da deusa Sekhmet em Yamu, um vilarejo no Lago Mareotis, e por cerca de 48 AEC, já era o braço-direito do Sumo Sacerdote do Templo. Ele se casou e teve 4 filhos: Hasina, Soris, Keba e Nailah. Em algum momento de sua vida, ele também conheceu Bayek de Siuá, e se tornou um grande amigo dele.

Em 48 AEC, Menehet foi visitado por Bayek, que estava no caminho a Alexandria, e mostrou a ele as várias melhorias no Templo, feitas com o dinheiro de nobres gregos que vinham apenas para participar dos festivais locais de Sekhmet. Após uma breve brincadeira com seus filhos, Menehet explicou a Bayek que um esquema de corrupção no comércio local de itens religiosas estava manchando a reputação dele e do Templo, e pediu a ajuda de Bayek para resolver o problema.

Bayek descobriu que bandidos e comerciantes corruptos estavam por trás disso, e matou os responsáveis e destruiu a produção de itens falsificados. Após isso, Menehet disse a Bayek que o lutador local de Sekhmet, Pamu, estava intoxicado por causa de suas bebedeiras excessivas, e Bayek ofereceu lutar por Sekhmet contra o campeão de Isfet, vencendo o festival.

Após isso, Bayek se despediu de Menehet, que permaneceu em Yamu para cuidar de sua vida e do Templo.

Personalidade e característicasEditar

Emboscada no Templo

Os filhos de Menehet com Bayek.

Menehet era um homem honesto, tendo se recusado a participar do esquema de corrupção em Yamu, tornado-se um confiável sacerdote e melhorado o Templo local significativamente, além de ter sido muito hospitaleiro e amigável a Bayek, um amigo próximo, após vários anos sem ver ele. Ele também era carinhoso, amando muitos seus quatro filhos e dando a eles e às outras pessoas do Templo um bom tratamento.

Além disso, ele também era um administrador competente, se tornando o segundo sacerdote mais importante de Yamu em pouco tempo e sendo responsável por muitas das melhorias no Templo. Enquanto inúmeros sacerdotes egípcios iriam usar o dinheiro arrecada pelo Templo em seus próprios interesses, Menehet era honesto e usava em causas justas.

Aparições em memóriasEditar

ReferênciasEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.

Fandom may earn an affiliate commission on sales made from links on this page.

Stream the best stories.

Fandom may earn an affiliate commission on sales made from links on this page.

Get Disney+