FANDOM


Íconedeera-Origins

Crocodilópolis foi uma cidade do Egito Antigo que serviu como a capital da região de Faium, localizada no oásis de mesmo nome. A cidade, como o nome indica, era o centro de adoração de Sobek, o Deus-Crocodilo, além de possuir uma grande Arena onde sangrentas batalhas entre Gladiadores eram travadas.

Nos últimos anos da Dinastia Ptolemaica, a cidade era governada por Berenike, uma estadista grega e nomarca de Faium.

HistóriaEditar

Nos últimos anos da Dinastia Ptolemaica, a cidade estava tomada por uma onda de corrupção dentro do Templo de Sobek, brutalidade contra a população pobre e entretenimento sangrento na Arena, tudo isso causado pela Ordem dos Anciões e o membro no comando na cidade, O Crocodilo.

Em 48 AEC, o Medjai Bayek, que estava buscando vingança contra a Ordem, viajou para Crocodilópolis com o objetivo de assassinar O Crocodilo. Lá, ele fez uma aliança com Padiaset, um sacerdote honesto do Templo, e desmantelou os esquemas de corrupção, assassinando o sumo sacerdote corrupto Sehetep no processo e acabando com a doença que afligia Petsuchos, o crocodilo sagrado.

Após isso, ele reencontrou sua velha amiga Kensa e junto dela, entrou na Arena como um Gladiador até confrontar e derrotar os dois campeões, Viridovix e Diovicos, para descobrir a identidade do Crocodilo. Mesmo após concluir sua missão, Bayek continuou vindo para a Arena, onde ele derrotou os Irmãos novamente e O Escravocrata.

MarcosEditar

ReferênciasEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.