Assassin's Creed Wiki
Advertisement
Assassin's Creed Wiki
Íconedeera-MarcosÍconedeera-UnityÍconedeera-Livro de UnityÍconedeera-Dossiê do Funcionário


Logopequenodawikipédia
PL Broken-heartedHQ Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Assassin's Creed Wiki expandindo-o.
Este artigo é sobre a fortaleza e prisão. Você pode estar procurando pela Ponte de Servidor.


A Bastilha foi uma fortaleza, depois uma prisão em Paris, na França. Foi invadida por uma grande multidão de revolucionários em 14 de julho de 1789, servindo como um poderoso simbolo da Revolução Francesa.

História[]

A Bastilha foi construída como uma fortaleza pelo Rei Carlos V da França, servindo como umas das muitas fortificações da França durante a Guerra dos Cem Anos. Foi construída na década de 1370. Sendo usada inicialmente contra os Exército Britânico|Ingleses]], a Bastilha também foi usada em conflitos internos também. Durante o reinado de Luís XIII da França, a Bastilha foi transformada de fortificação para prisão. Durante o reinado de Luís XV e Luís XVI da França, a Bastilha ficou conhecida por sua condição de tratamento incrível, com nobres como o Marquês de Sade trazendo muitos móveis e sofas para as suas celas.

Revolução Francesa[]

No dia 14 de julho de 1789, os cidadãos Parisienses estavam indignados com o estado de pobreza da cidade e com a ganância do rei e da nobreza. Nesse dia, eles realizaram um grande ataque a fortaleza, com milhares e milhares de revolucionários atacando a Bastilha. O governador da Bastilha, o Marquês de Launay, recusou a se render e lutou com seu batalhão até o fim. Os revolucionários não tiveram piedade dele, e de Launay foi brutalmente morto pelos revolucionários. No meio da invasão, Pierre Bellec e Arno Dorian fugiram da prisão para Paris. A Templária Élise de la Serre também ajudou em atacar a fortaleza, mas saiu após ver Bellec e Arno realizarem um Salto da Fé e depois de notar que seu cabelo ruivo não era muito agradável aos mendigos.

Referência[]

Advertisement