Assassin's Creed Wiki
Advertisement
Assassin's Creed Wiki
Sob o Sol Vermelho

BANCO DE DADOS ANIMUS ID 6C6F6E646F6E
PROJETO IDENTITYDIÁRIO DE MACHIAVELLI ENTRADA #8

"Apesar de eu tentar convencer Sirus a voltar para Firenze onde eu poderia mantê-lo seguro, ele insistiu em ficar em Roma. Ele me disse que estava interceptando mensageiros dos Corvos e garantiu que nem Cesare nem os Corvos estavam cientes do seu envolvimento com a Irmandade. Foi então que, vários meses depois, Sirus escreveu-me uma carta alegando que sabia onde Il Corvo estava escondido e que eu deveria designar um Assassino para ajudá-lo a reunir mais informações. Fiz o que ele pediu."

O Assassino chegou em Roma, onde Sirus pediu que ele interceptasse um dos mensageiros Corvo e pegasse uma carta muito importante dele. O Assassino matou o mensageiro e se encontrou com Sirus dentro do jardim do Castel Sant'Angelo. Sirus pegou a carta e então contou que o Assassino agisse discretamente até ele descobrir exatamente em que casa os Corvos estavam se escondendo. Aconteceu que o Assassino que enviei para o Sirus era o mesmo Assassino que viu ele conversando com o Líder Corvo lá no acampamento perto do Colosseo. Sendo um homem suspeitoso, o Assassino decidiu seguir Sirus.

É possível que Sirus soubesse que o Assassino iria segui-lo, então ele agiu com extrema cautela ao sair do Castel Sant'Angelo. A suspeita do Assassino se provou verdadeira quando em uma pequena alcova ele sofreu uma emboscada feita por diversos Líderes Corvo. Sirus observou enquanto o Assassino lutava para se defender dos ataques dos Corvos. Quando percebeu que eles estavam perdendo a luta, Sirus bradou: "Meus Corvos farão com você o mesmo que vocês fizeram com meu filho! Você e todos os seus irmãos pagarão com sangue!" e fugiu do local.

O Assassino matou os Líderes Corvo e seguiu Sirus por um breve momento, mas então perdeu a trilha.

"Sirus é Il Corvo. Como eu não percebi sua farsa? Ele me enganou, me fez acreditar que ele era um aliado, e ainda assim ele ajudou a Irmandade em múltiplas ocasiões. Qual era a sua motivação? E o que tinha a morte do seu filho? Por que ele culpa a Irmandade por ela? Muitas perguntas e ninguém para respondê-las."

Advertisement